Michael Mann Cogitado Para Dirigir Azincourt

Publicado: 23/11/2010 por harrysickboy em Filmes
Tags:, , , , ,

Essa notícia é um pouco velha, porém, achei que valeria a pena publicá-la do mesmo jeito, levando em conta o teor importante das mesma.

Bernard Cornwell é um nome que dispensa apresentação, se você é nerd ou gosta de ler; então com certeza já deve ter lido algum livro deste autor. Especialista em romances históricos, Bernard pode ser considerado um dos autores favoritos dos jovens brasileiros, contando com 22 livros publicados no mercado brasileiro, sendo todos pela editora Record.

No começo do ano, começou a circular pela net um boato de que um desses 22 livros, o romance Azincourt, seria transformado em filme. No último mês, um nome foi cogitado para dirigir tal longa metragem, e esse nome é, do conhecido diretor americano Michael Mann. Michael Mann ficou conhecido por ter dirigido filmes como, Inimigos Públicos (2009), Miami Vice (2006), Colateral (2004), Ali (2001), O Informante (1999), O Último dos Moicanos (1992). Sendo que desde O Último do Moicanos,Michael não dirige nada nesta linha “histórica”. Sim, Inimigos Públicos é de certa forma “histórico”, mas de uma forma muito mais recente, ficando mais na linha de filmes de gangster.

De acordo com informações, a adaptação ao cinema de Azincourt já está em andamento. Michael Hirst, o criador do seriado The Tudors (e roteirista do filme Elizabeth), foi contratado no ano passado pela Independent Film Co. para escrever o roteiro.

Até agora podemos afirmar uma coisa, do riscado esses dois entendem. Quero dizer, Michael Mann já trabalhou em um filme histórico (O Último dos Moicanos), filme este que é bem fiel à época e decente em diversos aspectos, e Michael Hirst acabou de produzir “The Tudors”, uma das séries de ficção históricas mais célebres da atualidade, que apesar de não ser Roma, agradou o público (me agradou também). Porém, há pontos negativos também. Michael Mann não é um diretor que costuma agradar 100%, fazendo trabalhos que na maioria das vezes, ficam com o gostinho de “é bom, mas poderia ter sido melhor“, e Michael Hirst, escreveu, “Elizabeth”, o que eu considero um filme histórico muito açúcarado e não-fiel em muitas partes, que no fim das contas não me agradou. Mas ainda há esperança. desta vez, eles estarão trabalhando em cima de uma obra muito boa, e historicamente fiel, escrita pelo melhor autor de romances históricos da atualidade, e  se eles se mantiverem dentro das linhas traçadas não haverá motivo pra dar errado.

Pra quem se interessar, o livro Azincourt trata a respeito da batalha de Azincourt (ou Agincourt) imortalizada na obra “Henry V” de William Shakespeare. Apesar de ser um fã ardoroso de Bernard, eu não li “Azincourt”, mas prometo escrever algo quando eu terminar de lê-lo, algo que farei nestas férias. Porém, mesmo não tendo lido a obra, eu a recomendo, pois foi escrita por este ótimo autor, e se tem um autor que eu recomendo de olhos fechados, este autor é Bernard Cornwell.

harrysickboy

Anúncios

Deixar um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s