Vocês estavam pedindo por mais vídeos de Portal 2?

Publicado: 23/08/2010 por Estêvão em Games, Prévia
Tags:, , , , , , , , , , ,

Não?

Por que não me disseram nada? E onde eu vou colocá-los agora?

Caramba hein….

Quando foi mencionado um modo cooperativo para Portal 2, dois pensamentos me vieram à cabeça. “ÍSSSA!” e “E como diabos eles vão fazer isso?”

Esse curto vídeo nos dá uma idéia:

A intenção inicial era usar duas humanas, Chell e Mel no modo Co-Op. Tendo em vista a quantidade de vezes que os jogadores irão morrer e renascer, os produtores decidiram substituir as protagonistas por dois robôs com respawn infinito. Com mais esse elemento no jogo acho que não vou mesmo conseguir esperar até o jogo ser relançado de graça.

Raros jogos me passaram tão forte a sensação de “Tenho que jogar isso!”. Quando lançaram o espetacular trailer de Portal 2, minha reação foi de um garotinho ao ser informado que o Natal chegou mais cedo e que já estava na hora de passar a dormir dentro da casa.

O vídeo a baixo nos dá uma chance de acompanhar o gameplay ao longo das novas fases e observar com mais detalhe o funcionamento dos novos elementos dentro jogo como raios tratores, tintas especiais que alteram as propriedades daquilo que tocam, trampolins e redirecionamento de lasers. É animador ver uma sequência de um jogo tão bem recebido e inovador como Portal se dispor a inovar ainda mais e buscar criar algo único (novamente). Irônico que seja a mesma companhia que lançou a expansão continuação Left 4 Dead 2.

Antes que os  fanboys perguntem, até onde se sabe não há um retorno programado do Companion Cube. Em seu lugar teremos Wheatley,  um dos Personality Cores vistos se reativando no final do primeiro jogo. Com sotaque de mordomo inglês e capacidade de iluminar áreas escuras e hackear aparatos eletrônicos (um R2-D2 portátil), ele promete ser mais útil do que um cubo. (Nota: A voz presente na primeira aparição de Wheatley “Meet Wheatley” era temporária, provida pelo animador da Valve Richard Lord, a voz definitiva ficou a cargo de Stephen Merchant, co-escritor de The Office).

Estêvão
Mal posso esperar pelas horas de xingamentos e acusações que serão trocadas com os amigos ao jogar isso. Os xingamentos e acusações trocados jogando Smash Bros já estão ficando repetitivos.


Anúncios

Deixar um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s